Polêmica

Bispo Formigoni é cortado da Igreja Universal após trocar mensagens com mulher casada

O Bispo Rogério Formigoni, um dos homens mais fortes dentro da Igreja Universal, e braço direito de Edir Macedo, foi cortado da igreja após trocar mensagens com uma mulher casada.

A revelação do caso extraconjugal de Formigoni veio a tona em setembro deste ano conforme anunciado em nosso site. O assunto já vinha causando grande repercussão perante o mundo evangélico.

+ Raquel Santiago é flagrada chorando e motivo choca seguidores

Tudo começou depois que o Bispo da Universal teria respondido no WhattsApp, a uma mulher que o elogiara fisicamente. E após ser pego pelo marido dela, o caso veio a tona, virando um escândalo. Diante das acusações e das provas caracterizadas de traição e adultério, Rogério Formigoni sofreu várias represália por parte da Igreja Universal, e a última foi o seu afastamento.

Tudo porque, após a divulgação das mensagens, Formigoni não aceitou o castigo imposto pelo bispo Renato Cardoso. Este que é genro de Macedo e atual líder da igreja.

Na última quarta (30), a Universal publicou em seu site uma nota que, para muitos, foi extremamente prejudicial ao religioso que fez fama usando a fé contra as drogas

“Para dar fim a especulações e fake news, a Igreja Universal do Reino de Deus vem a público para esclarecer o que de fato ocorreu na questão do ex-bispo Rogério Formigoni. No início de setembro último, Formigoni procurou a direção da Universal para expor sua conduta inapropriada, que desrespeitava frontalmente o tipo de comportamento que é exigido de todos os bispos e pastores. Tendo manchado seu ministério, segundo as normas de conduta pastoral da Universal, Rogério não poderia mais permanecer na posição de bispo”.

Mesmo assim, considerando sua confissão e acreditando em seu arrependimento e na possibilidade de restauração, a igreja lhe ofereceu uma oportunidade de recomeço.

Nas redes sociais, Formigoni se defendeu:

“Em resposta a nota emitida pela IURD a respeito da minha saída, quero afirmar que durante todo o meu período como bispo da IURD, jamais destruí ou causei mal a qualquer família. Apenas não concordei com a dura disciplina da igreja por não ter tomado nenhuma atitude que merecesse tal castigo”.

Resta saber se Rogério Formigoni, que já foi um dos nomes mais poderosos da Igreja Universal, vai abrir alguma denominação religiosa própria ou se ligar a outra igreja evangélica.

Etiquetas
Comentários

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of
Botão Voltar ao topo
Fechar